terça-feira, dezembro 06, 2016

Dirás

.
Se em ti voam negras em círculo, urrando e uivando, e tombas de morte, uma luz pousará e voz tépida dirá bem, dissipando as aves da escuridão medonha. Deixa-te ouvir a paz e dirás amor ao mundo. Saboreando-o é mais fácil fazê-lo.

1 comentário:

Luiza Maciel Nogueira disse...

Sua prosa me fez refletir que só podemos oferecer aquilo que faz em nós! Beijo!