quinta-feira, setembro 22, 2016

Estorninho

video
.
É luz como chuva de lâminas, uma melancolia de gaivotas sobre a multidão de peixes, a restante ao pôr-do-sol, da verdadeira água, tão firme que os estorninhos se descansam prematuramente.
.
Porque tudo se resume a pouco que digo quase nada ao falar e verdadeiramente tudo se condensa no tudo.
.
Préstimo abençoasse ou a clareza do esconderijo revelado e seria quem desejo e se, porque o se é quase nada e quase tudo.
.
Se fugisse no Campo de Estrelas e ingenuamente acreditasse que as léguas regeneram a índole e o suor lava a consciência.
.
Seriam mais palavras depois do dicionário e sem definirem a vaquietude.
.
Peregrino indo a Roma, palmeiro querendo Santiago e romeiro ansioso de Jerusalém.
.
O destino não existe e dele não se foge e se fosse quem desejo e por isso elogiado.
.
O destino é lugar e tempo para onde e daí se.
.
Quando me perguntam respondo seja qualquer coisa. E se? Ainda.
.
A minha vida é a trimetazidina no meu nariz.
.
É o meu destino e por isso não existo. E voando vago.

Sem comentários: