terça-feira, dezembro 01, 2015

Bomba calórica

.
E se houvesse uma bomba inteligente? Que acertasse só no alvo. Que fosse bondosa e avançasse com vontade própria para que ninguém fosse carrasco, como a praga do raio que te fulmine. Mas fosse falível, para que eu pudesse estar no sítio errado. Só uma vez. Depois de arranjada seria perfeita.

Sem comentários: