sexta-feira, janeiro 23, 2015

F...

.
Lembra-me tanto nem alegria nem tristeza, uma praça larga vazia no final da madrugada. Nem os pombos voam nem as gaivotas aportam. A luz do sono mal dormido e do amor mal feito. Sem espessura mas gosto de quem. Ver assim diria que é, nem tristeza nem alegria, um pensamento para algo para fazer.
.
.
.
Nota: Esta obra já tinha sido publicada, em Setembro passado.

Sem comentários: