segunda-feira, janeiro 18, 2016

Aquela segunda-feira – Enforcado no Sete

.
Aquelas segundas-feiras de estômago e coração, saturados e não desistentes de mandar calar a cabeça que também se ordenava ao silêncio.
.
Aquelas segundas-feiras depois das férias da Páscoa, quando se voltava a encarar a miúda, a mais gira da escola, por quem se. Quinze dias de sonho de coragem e de imaginação do perfume do seu champô. E que se faria se. Se qualquer coisa que partisse a vitrina e para lhe declarar, no medo suicida, a ingenuidade.
.
Aquelas segundas-feiras dos testes de matemática, no último tempo do horário escolar. Semanas de angústia, sexta-feira de desespero, dois dias de suores, a manhã eterna e o sinistro.
.
Estas segundas feiras sem fundo, de olhar e não ver o reflexo duma moeda no bolso. Estas segundas-feiras do extracto bancário de igual valor ao que se conseguia nos testes de matemática.

Azul-hélice


sábado, janeiro 02, 2016

Por lá para lá

.
Atravessar a rua, entrar na casa nova e deitar-me esperando, já que esquecido, perdendo-me ainda, avante à retaguarda. Receio o frio, hesito uma vez mais.
.
Já que o Diabo não existe, que se desapegue o Anjo e possa ir ter com ele.
.
.
.
Nota: Fotógrafo não identificado. Quem souber do seu autor, informo-me para que possa atribuir os créditos.

Cinema, filmes da vida

.
Quero ver pela primeira vez «As Asas do Desejo» e regressar na contagem de «Europa», deixar «Nosferatu» e.

Vénus em Capricórnio

.
Esse sorriso, apenas Vénus. Logo depois, vens e se a Deusa se conjuga com Capricórnio, o desejo sobe até onde nem as montesas trepam.
.
.
.
Nota: Vénus em Capricórnio é também o título da obra plástica.

O Tigre

.
Quero ser comido por um tigre. Um tigre que tire da jaula e tenha o impulso que, por vezes, os gatos têm. Não se jogue à jugular, mas dê a honra de alcançar o coração batente com uma só e completa dentada – como se tivesse as mandíbulas das máquinas que colhem terra. E com essa que me cubram. E nela se espoje saciado e impunido, impunível, ronronando pelo favor e pela injustiça.

Amarelo-literário